palavra viva

“LEVANTAI OS OLHOS E OBSERVAI AS ALTURAS: QUEM CRIOU TUDO ISSO? FOI AQUELE QUE COLOCA EM MARCHA CADA ESTRELA DO SEU INCONTÁVEL EXÉRCITO CELESTIAL, E A TODAS CHAMA PELO NOME” (ISAÍAS 40:26)

O SIGNIFICADO DA VIDA

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Deputado Sérgio Vieira luta por bonificação no Enem para jovens do Maranhão.


Preocupado com a grave situação a qual os alunos da região são submetidos para ingressar na Universidade Federal do Maranhão - Ufma, o Deputado Estadual Sérgio Vieira esteve participando nesta terça feira, 20, de audiência pública em Imperatriz, onde demonstrou seu esforço para a conquista de bonificação no Enem.
O evento foi realizado na Câmara Municipal e contou com a presença de dezenas de alunos. Estiveram presentes os Deputados Estaduais Marco Aurélio, Welligton do Curso, Roberto Costa, Antonio Pereira, o Deputado Federal Deoclides Macedo, o Secretário de Educação do Estado, Felipe Camarão, o relator da constitucionalidade do projeto, Marlon Reis e também os vereadores municipais.
Para o Deputado Sérgio Vieira essa é uma luta que precisa ser levada a diante. "Você já imaginou o pai ver o filho estudar por até 14 horas seguidas, e ao tirar 700 pontos ter que fazer faculdade em outros estados que contam com a bonificação? tendo que deixar família e amigos. A Ufma tem que ser cada vez mais nossa, e com esse projeto os alunos de todo o Estado serão beneficiados com a chance real de conseguir se formar naquilo que almeja", concluiu.
Como funciona:
Ao ser aprovado, o projeto tem como objetivo bonificar os alunos do Maranhão com o seguinte modelo: se a bonificação estabelecida for de 10% sobre o valor das notas obtidas regularmente, caso a média do aluno seja de 600 pontos no Enem, para fins de inscrição na UFMA, sua média passará a ser de 720 (com bonificação de 20%), o que priorizará sua inscrição, não deixando que a vaga seja ocupada por estudantes de outros estados.
Recentemente uma aluna de Imperatriz tirou 700 pontos no Enem, mas sem a bonificação no Maranhão, teve que ir fazer faculdade no Pará, que já adotou esse modelo. Atualmente as vagas na UFMA tem sido ocupada por alunos de outros estados, como da região sul, mas que na primeira oportunidade trancam a faculdade e retornam para o Estado de origem, o que fatalmente ocorrerá com os profissionais formados.

Da Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pela sua participação grato
por sua visita!...e fique a vontade para opinar.

seta

seta

CONTATO DO BLOG:Folha de Cuxá

josinaldosmille@hotmail.com

colunaemfolhadecucha@gmail.com

Telefones:(99)98157-6879 //(99)-99175 - 2799

BLOGOSFERA