palavra viva

“LEVANTAI OS OLHOS E OBSERVAI AS ALTURAS: QUEM CRIOU TUDO ISSO? FOI AQUELE QUE COLOCA EM MARCHA CADA ESTRELA DO SEU INCONTÁVEL EXÉRCITO CELESTIAL, E A TODAS CHAMA PELO NOME” (ISAÍAS 40:26)

O SIGNIFICADO DA VIDA

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Jovens Aprendizes do SENAC Realizam Mobilização em Prol da Acessibilidade e Respeito Para as Pessoas com Deficiência, em Açailândia.












O Movimento Reuniu Centenas de Pessoas no Centro Comercial da Cidade.

Centenas de pessoas participaram de um “CADEIRAÇO” em Açailândia na manhã desta terça-feira (25 de Outubro/2016). Os manifestantes se reuniram na Rua Duque de Caxias, no Centro da cidade, para cobrar melhores condições de acessibilidade.
A ação reuniu cadeirantes e pessoas sem nenhum tipo de deficiência, como a instrutora do SENAC/Açailândia Márcia Castelo entre outros atores da sociedade civil.

“Constantemente os nossos direitos estão sendo violados e ninguém está fazendo nada. Então nós nos reunimos para lutar para que as pessoas respeitem os direitos das pessoas com deficiência”, disse WARDERSON, membro da ADEFIA - ASSOCIACAO DOS DEFICIENTES DE ACAILANDIA e um dos participantes do ato.
Em nosso município existem inúmeras Barreiras à acessibilidade que impedem as pessoas com alguma deficiência física tenham autonomia no transporte e evoluam melhor, social e economicamente.

A inclusão das pessoas com deficiências na sociedade está ligada à inserção das mesmas na vida social, econômica e política, assegurando o respeito aos seus direitos no âmbito da Sociedade, do Estado e do Poder Público.

Quase todo mundo já se perguntou um dia sobre o que é ser normal. Na sociedade em que a gente vive ser normal, muitas vezes, é sinônimo de ser igual. Igual a um modelo padrão onde todos/as devem se encaixar e quem não está dentro deste modelo “ideal de pessoa” é excluído da sociedade. Talvez isso justifique tanto preconceito e tantas formas de discriminação.

Deficiência é todo e qualquer comprometimento que afeta a integridade física da pessoa e traz prejuízos para a sua locomoção, coordenação de movimento, fala e compreensão de informações afetando o relacionamento com as outras pessoas.

As pessoas com deficiência são vistas, geralmente, como incapazes de ter vida social por si, mesmo dando demonstrações cotidianas de suas capacidades e habilidades. São indivíduos ativos que usam outros meios além das pernas para se movimentar, que decifram o ambiente com outras partes do corpo e não simplesmente com os olhos e ouvidos, são aqueles que lêem com os dedos ou que falam com os gestos e pensam por imagens. Assim, podem namorar, estudar, trabalhar, enfim, fazer tudo que todas as pessoas fazem, desde que garantidas as condições de acessibilidade que devem ser assegurada para todos/as.

O ato contou com a participação de pessoas com deficiência, dos Jovens Aprendizes do SENAC, Membros da APAE/Açailândia, Professores de Educação Física do Município, Agentes de Trânsito do DMT, Membros da ADEFIA, IMPRENSA local, gerentes de empresas e seus funcionários além de lojistas do centro comercial de Açailândia.

Josinaldo Smille
Açailândia-Maranhão

 Blog Folha de Cuxá

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pela sua participação grato
por sua visita!...e fique a vontade para opinar.

seta

seta

CONTATO DO BLOG:Folha de Cuxá

josinaldosmille@hotmail.com

colunaemfolhadecucha@gmail.com

Telefones:(99)98157-6879 //(99)-99175 - 2799

BLOGOSFERA