palavra viva

“LEVANTAI OS OLHOS E OBSERVAI AS ALTURAS: QUEM CRIOU TUDO ISSO? FOI AQUELE QUE COLOCA EM MARCHA CADA ESTRELA DO SEU INCONTÁVEL EXÉRCITO CELESTIAL, E A TODAS CHAMA PELO NOME” (ISAÍAS 40:26)

O SIGNIFICADO DA VIDA

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

UMA PAUSA NAS DORES FÍSICAS, PARA UM JUSTO TRIBUTO À MARIA LÚCIA TELLES.


“Homenagem à Dona MARIA LÚCIA que inesperadamente faleceu hoje às 13 horas.”
DONA MARIA LÚCIA ERA MÃE DO EMPRESÁRIO BEBETO TELLES...

Há pouco, recebi a notícia da morte de minha amiga querida Maria Lúcia Telles. Sim, assim a considerava e sei que ela a mim, também.

Maria Lúcia é dessas pessoas que merecem luto oficial e hasteamento de bandeira a meio mastro. Por tudo que representa para a nossa cidade. Falarei dela no presente, porque é dessas pessoas que marcam a nossa vida.

Maria Lúcia tem no amor o seu maior conceito: a sua extensa família, aos seus inúmeros amigos, ao seu partido - o antigo PDT - às causas sociais e populares e à democracia.

Nestes tempos sombrios em que vivemos, fazem falta trajetórias tão significativas como a de Maria Lúcia.

Assim que Davi Telles voltou a morar em nossa cidade, combinamos de escrever juntos a biografia de Reginaldo e Maria Lúcia (ainda estamos devendo).

Que riqueza de vida! Quanta bondade reside em seu coração. Sempre acolhedora, mãezona de filhos, netos e bisnetos naturais ou acolhidos.

Acolhedora de tantas pessoas que a procuravam por uma palavra ou apoio material. Sempre presente!

Maria Lúcia, fiel escudeira de Dr. Jackson Lago, por longos anos, ativa militante política e testemunha de muitos avanços e retrocessos na vida de nossa terra.

Boa ouvinte das opiniões e argumentos alheios aos seus. Capacidade de perdoar e compreender quem lhe fosse diferente.

Imagino aqui sua indignação com o quadro político atual e suas certeiras reflexões. Afirmo sem medo de errar: não se fazem mais militantes como Maria Lúcia Telles.

Na sociedade machista em que nos inserimos, Reginaldo, Jackson, Neiva e Brizola, para ficar nos expoentes mais próximos e queridos dela, são os que comumente destacamos. Mas ouso dizer que nenhum deles seria o que são sem a força de Maria Lucia e aqui rendo também minha homenagem a Maria Clay Lago, por semelhante trajetória.

Felizes somos nós que conhecemos e convivemos com Maria Lucia. Nem sei se aprendemos suas lições de vida. E se a honramos com as nossas.
Maria Lucia, PRESENTE!   
                     

Escrito por Rita Moraes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pela sua participação grato
por sua visita!...e fique a vontade para opinar.

seta

seta

CONTATO DO BLOG:Folha de Cuxá

josinaldosmille@hotmail.com

colunaemfolhadecucha@gmail.com

Telefones:(99)98157-6879 //(99)-99175 - 2799

BLOGOSFERA