palavra viva

“LEVANTAI OS OLHOS E OBSERVAI AS ALTURAS: QUEM CRIOU TUDO ISSO? FOI AQUELE QUE COLOCA EM MARCHA CADA ESTRELA DO SEU INCONTÁVEL EXÉRCITO CELESTIAL, E A TODAS CHAMA PELO NOME” (ISAÍAS 40:26)

O SIGNIFICADO DA VIDA

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Governo propõe articulação de Rede Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural.


Secretário Adelmo Soares, presidente da Agerp, Júlio César Mendonça e equipe técnica do Sistema SAF durante reunião de articulação. 

O Governo do Estado planeja universalizar os serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), para promover o desenvolvimento sustentável do Maranhão. Por meio do Sistema de Agricultura Familiar do Maranhão (SAF, Agerp e Iterma), o desafio é ampliar e qualificar a oferta desses serviços para o setor, com a articulação de uma Rede Estadual de Ater, alcançando cada vez mais o homem do campo.

Para dar continuidade ao processo de ampliação dos resultados na agricultura familiar, representantes do Sistema SAF se reuniram, na última sexta-feira (22), na sede da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural o Maranhão (Agerp), instituição que será responsável pela avaliação e monitoramento dos serviços prestados, para definirem os eixos estratégicos de ação, que atuarão como norteadores das atividades desenvolvidas.

O secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, afirmou que este momento de integração será de grande importância para a consolidação da Ater no Estado. “Vamos replicar em todo o Maranhão ações exitosas que serviram de exercício neste primeiro ano de governo. Vivemos um novo momento de agregação, um processo de aliança em prol de mais propostas que beneficiem a agricultura familiar. Daremos um salto de qualidade com a união de políticas e projetos”, disse.

Responsável pela apresentação da proposta de “Alinhamento Institucional da Ater enquanto eixo estratégico para o Sistema SAF” durante o encontro, o consultor de articulação e coordenação de desenvolvimento sustentável, Eugênio Peixoto, definiu como primordial o atendimento efetivo da demanda, que garanta qualidade e contemple de forma permanente o agricultor familiar e os processos produtivos. Parte das ações levantadas teve como base a proposta de trabalho criada durante o 3º Fórum dos Secretários de Estado de Agricultura Familiar do Nordeste, sediado pelo Maranhão em 2015, onde se discutiu a política de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), área que tem um foco especial nesta gestão estadual, e incluiu, ainda, atividades já realizadas em outros estados, como Ceará e Acre.

Para o presidente da Agerp, Júlio César Mendonça, a formulação da Rede de Ater servirá como norteador e intensificador das ações. “A Agerp irá reassumir o papel de articulador de Ater, com um trabalho focado na melhoria diária dos índices da agricultura familiar e no compromisso com as famílias no campo. Vamos promover um cardápio de ações, que esteja de acordo com o que foi proposto, fortalecendo ainda mais a agricultura familiar”, afirmou o presidente.

As atividades iniciais da Rede Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural contemplam a elaboração de um levantamento e monitoramento da oferta de Ater no Estado, levando em consideração o enfoque territorial, e intercâmbio de experiências comuns, realizado por órgãos públicos e entidades privadas, coordenado e executado pelo Sistema SAF.

Entre os eixos estratégicos definidos foram estabelecidos como foco as atividades desenvolvidas nos 30 municípios do Plano Mais IDH; os contratos de Ater (Chamadas públicas) executados no Maranhão; as Cadeias Produtivas prioritárias, a intensificação de parcerias, mantendo diálogo com os movimentos sociais, valorização das pessoas, dos territórios rurais e dos produtos da agricultura familiar, executando também as principais políticas públicas voltadas para a agricultura familiar, seguidos da construção das redes locais, municipais, territoriais e estaduais, que culminará na elaboração dos Planos de Ater, que servirão como instrumento de organização e execução de serviços voltados para o melhoramento dos sistemas produtivos na Agricultura Familiar.


Estiveram presentes na reunião de alinhamento os secretários adjuntos da SAF, Francisco Sales e Luciene Figueiredo; o superintendente de Organização Produtiva (SAF), Josenildo Cardoso; os diretores da Agerp, Pedro Pascoal (Ater) e Sayd Zaidan (Pesquisa e Desenvolvimento), assim como os coordenadores, chefes e assessores técnicos da Agerp e SAF.

agerp.assessoria@gmail.com

GOVERNO DO MARANHÃO
SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
Fonte: Agerp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

obrigado pela sua participação grato
por sua visita!...e fique a vontade para opinar.

seta

seta

CONTATO DO BLOG:Folha de Cuxá

josinaldosmille@hotmail.com

colunaemfolhadecucha@gmail.com

Telefones:(99)98157-6879 //(99)-99175 - 2799

BLOGOSFERA